Carreira

Aprenda como entrar no mercado de trabalho após a graduação

A vida de recém-formado inaugura uma série de novos desafios para os profissionais. Se entrar na faculdade e concluir o curso já foram períodos puxados, conquistar um bom emprego pode ser ainda mais complexo. A pergunta que vem à mente de muitas pessoas logo que pegam o diploma é: “E agora, como entrar no mercado de trabalho”?

Atualmente, a graduação não é mais suficiente para o sucesso de uma carreira. Ela saiu do status de diferencial competitivo e, hoje, é um pré-requisito para quem almeja boas oportunidades. Sendo assim, como conquistar uma boa vaga de emprego depois de sair da faculdade? Para ter uma resposta para essa pergunta, acompanhe as dicas que trouxemos neste post!

Continue se capacitando

Se você concorda que o diploma de ensino superior é apenas o primeiro passo para a construção de uma carreira, não deixe de retomar seus estudos o quanto antes. Atualmente, uma ideia muito difundida é a de formação continuada ou permanente. Ou seja, os profissionais devem estar constantemente investindo em educação e se capacitando cada vez mais.

Uma ótima dica é fazer uma pós-graduação. Existem diversas opções de cursos de especialização. Para escolher, identifique as suas áreas de interesse e avalie a aceitação delas no mercado de trabalho. Assim, você tem mais condições de decidir por uma pós que agregue valor ao seu currículo.

Para saber como entrar no mercado de trabalho, é interessante também sair da sua zona de conforto. Fazer cursos em áreas que você conhece pouco é uma maneira de expandir seus horizontes, desenvolver novas competências e conquistar novas oportunidades. As empresas valorizam a interdisciplinaridade. Por isso, evite ficar limitado aos conhecimentos pelos quais você já se interessa.

Lembre-se, ainda, de que as habilidades comportamentais estão sendo mais exigidas pelas empresas. Por isso, aproveite esse período para se capacitar também emocionalmente. Além das competências técnicas, o desenvolvimento de capacidades sociais faz toda a diferença. Saber trabalhar em equipe, ter flexibilidade e ser proativo, por exemplo, é indispensável.

Participe de eventos

Nem só de pós-graduação vive o recém-formado. Há diversas alternativas para que você se mantenha atualizado na sua área de estudos. Muitos estudantes participam de eventos durante a graduação e podem continuar aproveitando isso depois da formatura. Se você não teve essas experiências, é hora de começar.

As faculdades, instituições públicas e empresas estão frequentemente realizando simpósios, palestras e treinamentos abertos ao público. Neles, você adquire novos conhecimentos, tem contato com ricas experiências de trabalho e pode conhecer pessoas influentes na sua área. Percebeu como é vantajoso participar?

O envolvimento nesse tipo de evento pode compor as informações do seu currículo. Assim, você valoriza seu perfil nas seleções de emprego. Além de palestras e seminários na sua cidade ou em locais próximos, você pode aproveitar também a oferta de cursos online. É possível encontrar até mesmo opções gratuitas.

Invista em marketing pessoal

Para entrar no mercado de trabalho, é fundamental reconhecer que você tem um papel ativo na criação de oportunidades. Aquele modelo de esperar uma vaga ser anunciada, enviar o currículo e se preparar para a entrevista já passou por muitas mudanças. Em várias empresas, o networking ajuda a pular muitas etapas do processo seletivo.

Por isso, a orientação é ter iniciativa e potencializar o seu marketing pessoal. Invista na expansão da sua rede de contatos. Seus colegas de faculdade e professores podem ajudar muito. As pessoas que você conhece nos eventos que citamos também são importantes fontes de informação.

Não tenha medo de entrar em contato e pedir indicações. Além disso, preocupe-se em ser conhecido pelo maior número de pessoas possível. Você precisa vender sua imagem profissional. Saber se expressar, evidenciar suas qualidades e ser criativo são competências úteis não apenas nas entrevistas de emprego, mas em toda a sua rotina.

Crie um currículo atrativo

Outro ponto central para saber como entrar no mercado de trabalho é conseguir formatar um bom currículo. A análise do seu perfil profissional costuma ser a primeira etapa de um processo seletivo. Infelizmente, muitos profissionais são reprovados nessa etapa apenas por não saberem como se expressar da melhor forma.

Montar um currículo atrativo requer atenção com diversos aspectos. Colocar todas as informações relevantes sobre a sua formação (nome do curso, data de conclusão e instituição de ensino) é essencial. Organizar as experiências e os cursos por ordem, começando do mais recente, também faz diferença.

Além disso, é preciso utilizar essa oportunidade para se promover. Seu currículo é o primeiro contato que a empresa vai ter com você, então como deixá-lo mais atrativo e garantir que você seja chamado para a entrevista? Destaque experiências e conhecimentos que estejam relacionados à vaga e dê detalhes que chamem a atenção do recrutador.

Aproveite as diversas oportunidades

Nem sempre o emprego formal é a única opção do profissional recém-formado. Se o mercado está recuado e há poucas vagas disponíveis, não é motivo para desanimar. Você pode aproveitar esse período para conhecer novas áreas, fazer cursos importantes ou até mesmo trabalhar em modelos alternativos.

Atuar como freelancer ou profissional liberal, por exemplo, são ótimas oportunidades em algumas áreas. Você ganha experiência, garante alguma renda e se prepara melhor para conquistar novas posições. O trabalho voluntário também é uma opção interessante em algumas profissões, principalmente nas ciências humanas.

Aprender uma nova língua ou fazer um intercâmbio cultural são outras ideias que promovem muito conhecimento e geram novas oportunidades para você. Além disso, está crescendo a procura por cursos de mestrado para quem deseja seguir a carreira acadêmica e dar aulas em instituições de ensino superior.

Conheça o mercado de trabalho na sua área

Seja qual for a opção que você fizer nesse momento, é importante realizar pesquisas e conhecer bem as particularidades da sua área de formação. Você deve se perguntar, por exemplo:

  • Quais campos de trabalho têm mais vagas em aberto na sua profissão?

  • Em que empresas da sua cidade você gostaria de trabalhar?

  • O que elas exigem de seus profissionais?

  • Como está a realidade da sua área nas regiões próximas?

Mapear essas informações vai ajudar você a dar um foco para sua carreira, conhecer as melhores oportunidades e se preparar para elas. Sabendo o que as empresas nas quais você deseja trabalhar estão procurando, fica mais fácil se preparar — mas não se esqueça de estudar sobre elas antes de ir para a entrevista.

Embora seja, muitas vezes, uma dúvida angustiante, você pode saber como entrar no mercado de trabalho de forma tranquila. O mais importante é não ter pressa. As coisas podem não acontecer de um dia para o outro, mas com esforço e compromisso você logo estará impulsionando sua carreira!

E então, o que achou do texto? Está procurando mais informações sobre cursos de pós-graduação e dicas de carreira? Assine nossa newsletter e acompanhe conteúdos relevantes!

 

Share This