Carreira

MBA em Coaching: por que optar pela formação?

As técnicas de coaching e os modelos de gestão por competências estão, cada vez mais, inseridos na cultura organizacional de diversas empresas do Brasil e do mundo, aumentando, consequentemente, a demanda por profissionais especializados na área.

Se você está pensando em ingressar nessa carreira, um bom começo é investir em sua formação superior com um MBA em Coaching. E para saber mais sobre o curso e os diferenciais que essa titulação pode trazer para o seu currículo, continue a leitura deste post que preparamos para você. Vamos lá?

Por que fazer um MBA em Coaching?

Conforme apontamos na introdução deste post, a área de coaching e gestão de competências está em constante crescimento e oferece diversas possibilidades de atuação. E, com os conhecimentos adquiridos em um MBA, você poderá se tornar um especialista na área e aumentar as oportunidades de se destacar profissionalmente.

Além disso, a formação prepara os profissionais para auxiliar seus clientes a realizar uma análise aprofundada de suas competências pessoais e profissionais e a elaborar um planejamento para conquistar seus objetivos a curto, médio e a longo prazo, alinhando esses resultados às expectativas da empresa.

Que conhecimentos serão aprendidos no curso?

Com uma duração média de 720 horas, o curso de MBA em Coaching e Gestão por Competências oferece alguns conteúdos essenciais para a sua formação. Abaixo, vamos listar alguns deles de forma mais detalhada.

Conceito, fundamentos e princípios do coaching

Antes de começar a traçar estratégias inovadoras e analisar metas corporativas, é importante entender o que é o coaching: como surgiu, os tipos existentes — empresarial, executivo e desenvolvimento pessoal — e, por fim, descobrir como a técnica pode ser aplicada nos diferentes tipos de equipe e perfis de negócio.

Ética profissional

Ensinamentos relacionados a conceitos como ética, valores e moral são essenciais para que o profissional de coaching possa executar o seu trabalho alinhando o respeito aos colaboradores e sua individualidade aos interesses da corporação para conquistar os objetivos planejados.

Liderança e gestão por competências

O perfil do líder sofreu grandes transformações ao longo das décadas. Por isso, é importante que a grade curricular conte com uma disciplina que aborde as relações de trabalho ao longo das décadas, até os dias atuais, estabelecendo um paralelo e destacando a importância da função para inspirar os colaboradores e despertar o potencial das equipes.

Nesse aspecto, o estudo da gestão de competências vai permitir que o futuro coach possa analisar a missão, a visão, a estrutura organizacional e os objetivos da empresa para reunir equipes comprometidas, realizando treinamentos e desenvolvendo talentos.

Recrutamento e seleção

Adquirir conhecimentos ligados à área de recursos humanos também é muito importante para que o profissional de coaching compreenda melhor as políticas corporativas e os métodos para a seleção de talentos dentro e fora da empresa.

Dessa forma, ele poderá colaborar com o desenvolvimento de treinamentos para promover o engajamento e a integração das equipes, além de visar a melhoria da qualidade das relações interpessoais no ambiente de trabalho.

Como escolher a melhor instituição de ensino?

Além de conhecer a grade curricular do seu curso para descobrir quais conteúdos serão abordados e verificar se estão atualizados de acordo com as expectativas do mercado de trabalho, existem outros diferenciais que devem ser considerados na hora de escolher a sua faculdade. Abaixo, vamos citar alguns desses itens. Confira!

Procure uma faculdade certificada

Verificar se o curso escolhido por você é autorizado pelo Ministério da Educação (MEC) é um dos principais fatores a serem considerados na sua decisão.

Além disso, é importante pesquisar também outros indicadores de qualidade da sua faculdade, como o reconhecimento por parte de instituições e órgão de classe que possam assegurar credibilidade à formação.

Pesquise informações sobre o corpo docente

Os professores serão os responsáveis por transmitir o conteúdo oferecido pelo curso, por isso, é muito importante que você descubra com antecedência quem serão os seus mentores ao longo das disciplinas.

Aqui, vale a pena consultar o currículo de cada docente, avaliando informações como a sua formação profissional, há quanto tempo leciona, além da sua experiência no mercado de trabalho.

Considere as modalidades oferecidas

Dependendo da instituição de ensino, você terá à sua escolha duas opções diferenciadas para fazer o seu curso de MBA:

  • presencial — para quem prefere a rotina de sala de aula e a convivência com os professores e os colegas;

  • a distância (EAD) — para quem precisa de flexibilidade de horários e possui disciplina para seguir corretamente o cronograma de estudos e realizar as atividades avaliativas dentro do prazo solicitado.

Qual o perfil do coach?

Existem algumas características fundamentais para quem deseja ingressar nessa carreira e ser um profissional bem-sucedido. Abaixo, vamos citar algumas delas. Veja só:

Curiosidade

Buscar novos aprendizados todos os dias e ampliar seus conhecimentos são qualidade essenciais para o sucesso do coach.

Afinal, esse profissional precisa lidar com pessoas diferentes, elaborar estratégias para conquistar objetivos diversos e, para isso, deve compreender as qualificações e dificuldades dos colaboradores para saber como alinhá-las às expectativas da empresa.

Bom relacionamento interpessoal

O trabalho do coach é totalmente centralizado no relacionamento com outras pessoas, por isso, habilidades de comunicação, clareza e objetividade para transmitir ideias, além de disposição para ouvir outras pessoas com atenção são indispensáveis para quem investe nessa carreira.

Liderança

Para estimular as habilidades de liderança nos colaboradores, primeiramente, é preciso que o coach tenha a postura de líder.

Dessa forma, o profissional conseguirá despertar confiança e inspirar aqueles que estão participando do processo de coaching em suas empresas.

Organização

Por fim, para conseguir ajudar seus clientes a elaborar boas estratégias, traçar metas claras e objetivas e cumpri-las dentro do prazo estipulado de forma eficiente, é muito importante que o coach seja extremamente organizado e disciplinado.

De forma geral, é possível perceber que a profissão de coach tem um amplo campo de possibilidades de atuação, com uma rotina de trabalho intensa, no entanto, bastante recompensadora.

Afinal, você terá a oportunidade de ajudar pessoas a superar desafios e conquistar resultados que antes pareceriam impossíveis, promovendo o crescimento pessoal dos colaboradores e, consequentemente, da empresa em que atuam.

E aí? Gostou do nosso post sobre MBA em Coaching e quer saber mais informações sobre o curso, a grade curricular, o corpo docente e todas as vantagens que essa formação pode trazer para o seu futuro profissional? Então, entre em contato conosco!

 

Share This